Como combater o burnout de fim de ano, o chamado Holiday Burnout

08 de dezembro, 2021

Como combater o burnout de fim de ano, o chamado Holiday Burnout

Ao invés de ser uma época feliz, o fim de ano acaba sendo a pior para muita gente. Isso acontece pela sobrecarga enfrentada nesse período.

O mundo pode ser dividido em dois grandes grupos: aqueles que amam o clima de festa de fim de ano e aqueles que odeiam o combo Natal e Ano Novo. Se você faz parte dos Grinch, o personagem antológico do Dr. Seuss que roubou o Natal, pode ficar tranquilo que você não está sozinho nessa. A aversão às Festas pode acontecer por uma infinidade de razões, da perda de um ente querido até a um caso do chamado Holiday Burnout.

O burnout, como a maioria das pessoas conhece, é definido pela Organização Mundial da Saúde como uma “síndrome conceitualizada como resultado de um estresse crônico no ambiente de trabalho que não foi bem administrado”. A OMS reitera, porém, que ele não é uma “doença”, mas sim um “fenômeno ocupacional” que pode desencadear doenças coronarianas, gastrointestinais e distúrbios mentais, entre outros. 

No Brasil, estima-se que 30% dos profissionais sofram com burnout. Já uma estimativa da consultoria Deloitte indicou que 77% dos profissionais experimentaram ao menos um episódio da síndrome no emprego atual, com a proporção chegando a 84% no caso de millennials.

O travesseiro Persono é usado para monitorar o sono e é recomendado pelos atletas do Time Brasil e pelo COB - Comitê Olímpico Brasileiro

Não à toa a Harvard Business Review chamou, em recente edição, o momento atual de “epidemia de burnout“.

Apesar de oficialmente atrelado ao trabalho, quando os efeitos vêm atrelados à agitação típica de final de ano é quando surge o Holiday Burnout, o temido estresse exagerado proveniente das festas.

O que é Holiday Burnout

O Holiday Burnout é o que atinge as pessoas quando elas estão excessivamente sobrecarregadas, com a carga extra de demandas e expectativas associadas ao período de festas. Apenas a percepção dessa sobrecarga é, sozinha, capaz de criar um episódio de “burnout natalino”. 

Ou seja, um Holiday Burnout é muito mais do que simplesmente não gostar do Natal, mas sofrer consequências reais da pressão dessa época do ano.

Curiosamente, a OMS recomenda que não se use o termo “burnout” para definir experiências em outras áreas da vida que não a laboral, mas não tem jeito: o termo já está se popularizando. Também pudera, os sintomas são bastante parecidos. Veja o que diz a cúpula da saúde sobre os sintomas ou dimensões do burnout (o do trabalho):

  • Sensação de esgotamento de energia ou exaustão;
  • Aumento da distância emocional do trabalho ou sentimentos negativos ou cinismo na mesma direção;
  • Diminuição da produtividade. 

Dá pra entender porque o termo “holiday burnout” pegou.

Por que as pessoas sofrem mais de burnout no fim do ano

O fim de ano é uma época sobre a qual pesa um aumento de responsabilidades complexas de arcar, começando pelas próprias festividades. Organização, compra de presentes, amigo secreto, vários grupos de confraternização, agradar a diversas pessoas, organizar festas e assim por diante.

O excesso de responsabilidade não para por aí. Também estamos sobrecarregados no trabalho, correndo atrás para bater as últimas metas do ano, já deixar o ano seguinte planejado e ainda as socializações que podem ser bastante difíceis para muita gente. 

Acha que acabou? Não exatamente. O estresse que relacionamos com dezembro se estende até janeiro, quando chegam os boletos dos impostos, matrícula na escola / faculdade e mais uma série de gastos extras que pesam bastante no bolso. 

Isso sem contar o cansaço natural dessa época.

Com todo esse movimento hiperativo para dar conta das obrigações extra, ainda acabamos reduzindo o tempo de descanso e lazer. Muito do que era para ser divertido acaba se tornando uma obrigação e o corpo acaba respondendo a esses excessos, pagando um preço alto e sofrendo as consequências. 

Quando o corpo “curto-circuita” ou queima dessa maneira, é um caso de burnout. 

Dicas para evitar o Holiday Burnout

Você já ouviu falar em estratégia de controle de estresse? É basicamente encontrar as fontes que geram mais ansiedade, os gatilhos, e encontrar maneiras de amenizá-los. Abaixo, algumas dicas para você dar conta de toda a carga de final de ano sem passar pelo Holiday Burnout.

1. Durma bem. O sono não é uma questão de escolha, mas sim uma questão de saúde. Os efeitos da baixa qualidade do sono na saúde mental são devastadores e vão muito além da época do ano. Aliás, dormir mal está associado ao burnout em todas as suas dimensões. Dica: confira algumas técnicas para dormir mais rápido!

2. Tudo é uma questão de balanço: pode ser que o trabalho esteja mais carregado, mas é essencial que você tire alguns minutos todos os dias para fazer algo que você gosta, sem envolver obrigações. Nem que seja tomar banho com aquela playlist ou um capítulo de algum sitcom que você já viu 356 vezes. Descansar a mente é essencial. 

3. Olhe as coisas sob a perspectiva que elas merecem: sim, você quer que a festa de Natal seja melhor que a do ano passado, quer participar de todas as confraternizações e preparar o menu mais abundante. Será que você precisa de tudo isso? Está tudo bem se a ceia for mais relaxada, se você perder o amigo secreto de algum grupo ou se algum presente for entregue na sacola da loja. De verdade, está tudo bem.

4. Lembre-se: o peso do mundo não está sobre os seus ombros. Você sozinho ou sozinha não vai reverter as metas da empresa, isso é uma responsabilidade coletiva. Não absorver uma culpa que não é sua é importante. Isso também vale para os compromissos familiares, por exemplo. 

5. Preste atenção às suas emoções, elas são importantes. O seu corpo dá sinais de que algo não vai bem, mas você não precisa esperar que esses sinais cheguem ao limite para agir. 

Felizes festas. Boa noite.

Compartilhar artigo

Leia também

Arrow
Arrow
Faça parte da comunidade Persono
Enviaremos somente conteúdos relevantes para contribuir com a qualidade do seu sono e não encher a sua caixa de email